Gondwana Game Reserve: um safari no coração da Rota Jardim, a poucas horas da Cidade do Cabo

  • 03 de fevereiro de 2020
Gondwana Game Reserve: um safari no coração da Rota Jardim, a poucas horas da Cidade do Cabo


Quando se pensa em safari, logo se pensa no Kruger. Mas você sabia que existem opções ótimas pertinho da Cidade do Cabo? A poucas horas de distância, no coração da Rota Jardim, você pode viver essa incrível aventura em um dos lodges mais interessantes da África do Sul, o Gondwana Game Reserve.

 

Vista do Kwena Lodge

 

COMO CHEGAR:

Em menos de 4 horas de carro a partir da Cidade do Cabo em uma estrada perfeita, chegamos à reserva que abriga o Godwana: um cenário lindo, verde, montanhoso, totalmente diferente da savana africana, mas que abriga os chamados Big 5. Aqui não é necessário gastar uma grana com voos, diferentemente dos lodges do Kruger, e também não há qualquer preocupação com malária (o lodge fica em uma zona considerada livre da doença, o que o faz uma excelente opção para ir com as crianças). 

 

Dudu curtindo a piscina no Gondwana e torcendo pra ver um elefante dali

 

Se você deseja fazer a Rota Jardim, tem um tempo curto de viagem, mas não abre mão do safari, eu definitivamente recomendaria que tirasse dois ou três dias pra ficar nesse hotel.

 

Pertinho dali você segue viagem par Mossel Bay, George, Knysna, todos cidade-base para explorar a Rota. 

 

QUANDO IR:

A vantagem do Gondwana é oferecer um clima muito mais estável do que os lodges que ficam na região do Kruger. O clima, oceânico, é considerado o mais ameno da África do Sul e o segundo mais suave do mundo!

 

Tarde ensolarada na piscina

 

As temperaturas médias variam entre 13°C no inverno a 19°C, no verão. Chuvas ocasionais ocorrem, mas não há uma estação tipicamente marcada pra elas acontecerem (embora a maior parte se concentre na primavera - quando fomos).

 

Mirante no deck onde é servido o boma dinner em noites de tempo aberto

 

Mesmo no auge do verão, recomendamos levar casacos na mesma proporção de roupas de banho, pois ao amanhecer e ao entardecer (horários típicos dos game drives) pode fazer muito frio.

 

Varandinha do nosso quarto e a vista para as montanhas

 

O LODGE:

No Gondwana você encontra acomodações incríveis no estilo rústic-chic e serviço de um hotel de luxo. Lá, elas são divididas entre as icônicas ocas que compõem o Kwena Lodge e as enormes Fynbo’s e Bush villas, que abrigam enormes casas que oferecem conforto e privacidade, especialmente desenhadas para quem viaja em família. As primeiras estão situadas nas adjacências do lodge principal e as Bush villas já ficam a 10 km de carro dali.  

 

Interior da nossa villa, de 3 quartos

 

O Kwena Lodge é onde está a recepção do hotel, as áreas de convivência e onde são servidas todas as refeições. É também o lugar que nos deliciamos em umas das piscinas mais lindas que vimos em toda nossa viagem.

 

Vista do Kwena Lodge

 

Nas áreas comuns do Kwena lodge

 

Os quartos do Kwena Lodge ficam em ocas, que são extremamente românticas e adults-only. Ali, ao visitar uma delas, imaginei o cenário perfeito pra uma lua de mel. Não à toa muitos casais procuram essa hospedagem para comemorações especiais. Da varanda você observa a idílica paisagem e ainda tem a chance de se deparar com elefantes e zebras se refrescando ao beber água da piscina. De todos os lugares que estivemos na África fazendo safari, sem dúvidas esse cenário foi o mais impactante. 

 

Elefante fazendo uma visita aos hóspedes no Kwena Lodge

 

Dentro de uma das ocas no Kwena

 

A exclusiva oca adults-only do Kwena

 

Nós ficamos em uma Fynbos Villa: com três quartos, mais de 200m2 e equipada com cozinha, lareira, sala de estar, sala de jantar e uma varanda enorme, era uma acomodação perfeita para ter levado toda a família. 

 

Um dos quartos na nossa Villa

 

Apesar de ter ares e conforto de uma casa, o local oferecia todo o serviço exclusivo do hotel. Pegamos um dia mais chuvoso e nele aproveitamos muito as instalações da casa, ligamos a lareira enquanto degustávamos um bom vinho e brincávamos com as crianças de quebra cabeça, de colorir, de pique e pega e o que mais a imaginação deixasse. Como também tinha TV, era tranqüilo distraí-las um pouquinho naquele dia mais chuvoso e que nos impediu de sair pra um safari. Podíamos pedir as refeições lá, caso desejássemos. 

 

A gastronomia apaixonante do Gondwana

 

Da nossa varanda, éramos surpreendidos com vários animais passando, mas o mais lindo foi ver uma família inteira de zebras, incluindo uma baby, em frente ao nosso chalé. Foi um momento incrivelmente especial para nós e para as crianças. 

 

Depois da soneca da tarde, recebemos a visita de um grupo de zebras na nossa varanda

 

O SAFARI NO GONDWANA

A maior emoção de fazer safari é a busca pelos chamados Big 5, ou seja, os cinco mamíferos selvagens de grande porte mais difíceis de serem caçados pelo homem: rinoceronte, leão, leopardo, elefante e búfalo. 

 

A experiência é usualmente a mesma nos hotéis de luxo: um ranger e um tracker são designados pra sua família e te acompanham durante toda a estada. Por volta das 5 da manhã, seu ranger te telefona pra você acordar e se preparar pro game da manhã. A saída é cedo assim porque nesse horário é que os animais estão mais ativos e os predadores saem para caçar. Toma-se um café e um biscoitinho antes de sair e aí começa a grande aventura.

 

Observando os hipopótamos (na foto, submersos rs)

 

A emoção de buscar esses bichos e vê-los em seu habitat natural é indescritível. Aos poucos eles vão aparecendo e o encanto aumentando. O encontro com os 5 depende de sorte.

 

Foto divulgação Gondwana

 

Na volta do game da manhã, aí sim o verdadeiro café da manhã: mesa posta e farta. 

 

Daniel se deliciando no café da manhã e com o cenário

 

O dia fica livre pra fazer o que quiser, mas geralmente o calor é convidativo pra drinks à beira da piscina ou a uma massagem no spa. 

 

Entre um safari e outro, o melhor programa: piscina

 

Para fazer o safari com os meninos, só foi possível porque o fizemos de forma privativa. Geralmente, não se aceita menores de 6 anos com a presença de outros hóspedes, porque senão interfere na dinâmica dos demais. Indo só nós, podíamos escolher a hora de parar, a hora de ir, vir e voltar pro hotel. Dos demais safaris que fizemos nessa viagem, no Gondwana foi onde achei que eles ofereceram de fato alguma resistência para levar os meninos. Acho que não estavam acostumados a levar crianças tão pequenas. Depois explicamos que já tínhamos passado por outros dois lodges e que eles estavam super tranquilos para fazer os passeios. 

 

 

A gente não levava as crianças no safari da manhã. Eu ia sozinha, enquanto todos dormiam. Chegava em nossa villa a tempo de acorda-los e tomarmos o café da manhã juntos. 

 

 

Foto divulgação Gondwana

 

Por volta das 16h30, começávamos a nos preparar para o game vespertino. O pôr do sol é ansiosamente aguardado enquanto somos distraídos com elefantes, rinocerontes, leões, babuínos ou girafas cruzando nosso caminho. Entre um bicho e outro, fazemos uma pausa para um vinho e para apreciar a paisagem.

 

Foto divulgação Gondwana

 

À noite, é hora de se deliciar com a gastronomia. Seja na tranquilidade e privacidade da nossa villa, ou em meio ao restaurante do hotel ou durante um “boma dinner”, tínhamos a certeza de que seria mais uma experiencia maravilhosa a viver. 

 

Um jantar especial no Gondwana

 

Por ser uma reserva privada relativamente menor do que as que estão no Kruger, a experiência de safari no Gondwana é um pouco menos emocionante do que na savana, principalmente para quem tem o poder de comparação ao ter experimentado as duas opções. Os animais, especialmente os Big 5, são realmente menos numerosos, mas isso não significa que você irá perder a chance de vê-los. Lá, tivemos a chance de ver todos, com exceção do leopardo (mas que também sequer vimos na primeira vez que estivemos na África do Sul no próprio Kruger). Tivemos também a notícia de que uma leoa tinha acabado de parir alguns filhotes, mas acabamos não os vendo (depois vi no Instagram do Gondwana e fiquei triiiiste de não termos achado os babies lions). 

 

O Gondwana é repleto de zebras, um dos meus animais favoritos

 

Leões no Gondwana (foto divulgação)

 

O Gondwana oferece um programa especial para as crianças, que é o Junior Ranger Program, em que elas são levadas a aprender mais sobre a natureza e sua conversação e levadas para aventuras ao ar livre com o ranger que é designado para a família. 

 

Foto divulgação Gondwana

 

 

 

Um encontro esperado com zebras que passeavam pelo lodge

 

A GASTRONOMIA

 

É preciso destacar esse, que é um dos pontos fortes do hotel. Todas as refeições - do café da manhã ao jantar, são especiais, dignas de chefs de primeira e estão incluídas na diária. 

 

 

Foi uma grande surpresa para nós a comida e a gentileza no serviço no restaurante do hotel. Havia também muito cuidado em relação às nossas solicitações para os pratos das crianças. Mesmo havendo um menu kids, por vezes pedíamos uma adaptação ou outra e não mediam esforços para nos agradar. 

 

 

Por causa da chuva, acabou que não conseguimos viver a experiência do boma dinner oferecido no Gondwana. Com certeza deve ser algo único, pois só de imaginar aquele cenário todo à luz de velas de frente para a piscina maravilhosa e um vale incrivel, já tive a ideia de que é algo extraordinário!

 

Sem dúvidas, o Gondwana é um must go para quem vai à África do Sul. Seu custo benefício o faz um dos melhores lugares para fazer um safari no país.

 

Seguro viagem:

 

Sempre que viajamos para o exterior fazemos seguro viagem internacional. Para essa viagem não poderia ser diferente. Fizemos nossa cotação através do Real Seguro Viagem que é uma empresa bastante seria e que nunca nos deixou na mão. Para fazer uma cotação é só CLICAR AQUI.

 

Aluguel de Carro:

 

Para quem gosta de comodidade e maior liberdade nas viagens faça a cotação para locação do seu carro por aqui. CLIQUE AQUI e faça seu orçamento sem compromisso.

 

 



Esse artigo foi lido 248 vezes!

Sobre o Autor

Fernanda e Daniel

Fernanda e Daniel: "um casal comum, com anseio de viver experiências extraordinárias". Eles dividem suas viagens no @nosdoisnomundo, onde promovem destinos especiais, seja a dois ou em família.

Veja Também