Costa Rica: um país encantador na Ámerica Central

  • 11 de janeiro de 2022
Costa Rica: um país encantador na Ámerica Central


Acabei de chegar da Costa Rica , o país “Pura Vida”. Essa é a expressão que os Ticos e Ticas (locais) usam para cumprimentar alguém, se despedir, quando te dão boas vindas ou simplesmente querem te desejar a boa energia do lugar.

O país não tem exército e resolveu investir em educação e ao chegar em qualquer lugar já me perguntavam: inglês ou espanhol ? Todos que tive contato eram no mínimo bilíngues o que na prática facilita demais a comunicação.

Para quem não sabe, a cidade de Nicoya, faz parte das 5 zonas azuis do mundo (pessoas que pela qualidade de vida passam dos 100 anos) e pude constatar essa influência na comida e na qualidade da água rica em magnésio e que sai pura das torneiras.

Mas o que me fez ir para o país? Os 50% do território cobertos por florestas e a foto do Rio Celeste estavam nos meus planos há 3 anos, mas foi substituído pelo balanço do Equador,depois as águas verdes de Samuc Champey na Guatemala e depois pela entrada facilitada no México no 1º ano de pandemia .

Rio Celeste - Costa Rica.
Rio Celeste - Costa Rica.

Cheguei no país e já havia contratado um transfer direto para o lado caribenho do país. Minha Primeira parada : Puerto Viejo.

Me interessei pela vibe jamaicana pois muitos escravos do país ficaram por lá . Porém esperava mais o clima rastáfari quase não foi visto .

O que fazer em Puerto Viejo :

Puerto Viejo - Costa Rica.
Puerto Viejo - Costa Rica.

Se não tiver alugado carro (meu caso) , alugue uma bicicleta e aproveite para conhecer as praias (ordem em distância do centrinho) :

-Playa Puerto Viejo é a principal praia da região, é a que conta com mais restaurantes, lojas , agências,bancos e mercados.

-Playa Cocles: a mais movimentada pela proximidade da cidade mas o mar é agitado . Por isso é a escolha de muitos surfistas. Tem restaurantes e pousadas e fica só há há 3,6 km.

-Playa Punta Uva foi a que fiquei por horas e a que me falaram ser a mais bonita da região. Como é época de chuva do lado caribenho o dia estava bem nublado mas não tirou a beleza da praia. Tem uma faixa mais estreita de areia e com muitas palmeiras que quase tocam o mar.

-Playa Manzanillo por motivos de chuva não conheci e por ser há 13 km do centro, desisti por motivos de muita chuva na cara (estava de bicicleta). Me falsaram que é procurada por quem quer mais sossego.

Segunda parada : La Fortuna

Após a erupção de um vulcão em 1968 essa foi a única cidade que permaneceu intacta, daí seu nome La Fortuna : a afortunada , a sortuda. Além do vulcão a região é de florestas , rios e termais .

O que fazer em La Fortuna :

1)Águas termais de resorts: diversos oferecem day use. Entradas a partir de 30 dólares porém ao ver as fotos do Tabacon Resort não tive dúvidas porque é espetacular.

Tabacon Resort
Tabacon Resort

Valor : 82 dólares de 10 as 14 horas incluindo acesso as termas,locker, toalha ,wi-fi, almoço (entrada,prato principal e sobremesa). Por 100 dólares pode ficar o dia inteiro .

2) Rio Celeste : Outro passeio imperdível para fazer durante sua viagem para La Fortuna é o Rio Celeste. Foi exatamente a foto desse lugar que me fez ir para Costa Rica a vislumbrar suas águas azuis . Fica no Parque Nacional Tenorio Volcano, a 70km de La Fortuna e paguei 70 dólares (incluso almoço).

Você irá fazer uma caminhada dentro do parque, onde passará por alguns mirantes, uma ponte suspensa e uma cachoeira. O visual é de tirar o fôlego .

Rio Celeste.
Rio Celeste.

O que tem por lá também (não conheci) :

1)Águas termais públicas

2) Cachoeira La Fortuna que é considerada uma das belas do país.

3)Vulcão Arenal

4)Parque Místico Arenal Hanging Bridges.

Terceira parada: Santa Teresa

Beach Clubs de Santa Teresa
Beach Clubs de Santa Teresa

Considerada a “Tulum” da Costa Rica pelo estilo boho chique . Os turistas se locomovem com quadriciclo ou bicicleta. Pelo movimento ser praticamente em uma única rua , andei a pé pra todo lado.

É turística e ao mesmo tempo selvagem com clima relax pois atrai muitos surfistas e praticantes de yoga. Exatamente nessa praia a modelo Gisele Bündchen e o marido possuem uma casa . Não há construções na praia que parece intocável.

O que fazer :

1)Alugar uma bicicleta e conhecer praias próximas como a Mal Pais (3 km)

2)Fazer aulas de yoga

3)Fazer aulas de surf (pulo essa sempre depois de El Salvador) .

4)Passar o dia em um Beach Club. Minha escolha foi o Banana Beach Club. Não paga para entrar e passei o dia estendida em uma cadeira bebendo, comendo e tomando sol . Lindo com o equilíbrio de praia, vegetação e espelho .

Tem também o Taboo Beach Club caso tenha mais tempo.

Quarta parada : Tamarindo

A minha escolha para o réveillon foi exatamente a praia das festas conhecida carinhosamente como “Tamagringo”. Meu interesse aqui era cair na night e dormir no sol durante o dia . Das 4 noites consegui 2 . A primeira estava destruída por ter acordado cedo para chegar até lá e na 4º noite decidi dormir pois acordaria cedo para atravessar fronteira para Nicarágua (assunto para próximo post) .

Tamarindo
Tamarindo

O que fazer :

1)Aulas de surf pois o mar não tem grandes ondas (como falei pulo essa).

2)Praias :

-Playa Tamarindo: passe ou termine o dia assistindo o pôr do sol em um dos happy hour. Possui 3 km e é lotada de restaurantes , bares e poucos hotéis. A noite ferve por lá também.

-Playa Langosta : continuação da praia de Tamarindo e é menos turística e tem pôr do sol lindo. Fui caminhando nas 2 vezes e em 20 minutos estava nesse paraíso intocável.

Outras opções que não conheci por motivos de “acordava só a alma pela noite anterior “

-Playa Avellanas: fica 15 km é rústica sem nenhuma cidade perto a não ser pelo Lola's on the Beach Bar.

-Playa Conchal é a mais linda (35 km de Tamarindo) e o cartão postal da região com mar. Vi fotos pois minha amiga colombiana estava hospedada perto e se puder ir , vá . Mar azul bebê Caribe (bem diferente das outras). Leve lanche e água pois não tem barraca.

-Playa Flamingo: com mais infraestrutura e cercada por coqueiros.Para quem gosta de ficar o dia em uma espreguiçadeira. Mais elitizada por ter vários condomínios de luxo.

-Passeio de escuna para vêr o pôr do sol (com música ao vivo) e fazer snorkeling . Essa vi valor e achei caro: 100 dólares .

O Réveillon por aqui é imperdível para quem gosta de agito. Há muitas opções de festas e como me hospedei perto da praia fui para o Pacífico Bar que está mais para uma casa de show. Aproveitei e na virada sai para dá uma olhada na queima de fogos e a faixa de areia faltou espaço para tanta gente . Nos meus 13 anos fora com certeza essa foi uma das melhores escolhas .

Informações sobre a Costa Rica:

1)A Costa Rica é o país mais caro das Américas ficando atrás somente dos EUA e Canadá.

2)As distâncias se tornam exaustivas se feitas por transporte público . Uma viagem de 190 km chega a durar 7 horas . As estradas dos carros e ônibus além de serem diferentes, não existe ônibus direto para lugar nenhum a não ser pra capital. Para vocês terem idéia de La Fortuna sai às 4:30 da manhã e peguei 4 ônibus e um ferry para chegar até Santa Teresa.

3)Se puder alugue um carro ou vá capitalizado para pagar transfer que são entre 50 e 60 dólares (fui da capital para Puerto Viejo e de Santa Teresa para Tamarindo).

4)Foi o país que mais comi bem na vida. Sou vegetariana e as refeições eram coloridas , saborosas e com tempero no ponto . Entre os meus pratos prediletos foi o Casado que nada mas é que arroz , feijão, uma proteína, banana frita e salada . Muito parecido com nosso PF.

4)O pôr do sol nas praias da Costa Rica é uma atração. Além de ser cedo (em torno de 5 horas) , as cores que se formam são de um laranja e vermelho intenso . Lindo demais !

5)Em 2019, o país recebeu três milhões de visitantes, sendo o décimo país mais visitado da América Latina (considerado um dos mais seguros do mundo para mulheres que viajam sozinhas ).





Sobre o Autor

Cristina Paiva

Brasiliense, viciada em viagens, tanto que tatuou na própria pele o nome Wanderlust”. Compartilha suas viagens no Instagram @viajandoconhecendoevivendo