Koh Kood: a incrível ilha do hotel Soneva Kiri

  • 11 de julho de 2020
Koh Kood: a incrível ilha do hotel Soneva Kiri


Por @nosdoisnomundo

Ahhh...o Soneva...um hotel dos sonhos, de serviço impecável, e que tinha nos encantado em nossa viagem do ano passado às Maldivas, quando conhecemos o Soneva Fushi. Sabendo que existia um dele na Tailândia - o Soneva Kiri-, foi impossível deixa-lo de fora do nosso roteiro no país. Quando nos perguntam os top 5 hotéis que amamos, esses sem dúvidas figuram na lista!

Almoço na praia do Soneva Kiri
Almoço na praia do Soneva Kiri

COMO CHEGAR

Para chegar ao Soneva Kiri, o único jeito é sair do aeroporto internacional de Bangkok (Suvarnabhumi -SVB) e pegar um voo privativo do hotel, que opera em uma escala fixa entre 6 da manhã e 15h40.

O avião, um Cessna 208 Caravan, tem apenas oito lugares e custa USD 650,00 por pessoa, ida e volta. São 90 minutos de viagem, sobrevoando lindas paisagens. O voo pousa diretamente em Koh Mai Si (MSI), o aeroporto da ilha do hotel.

Chegada ao Soneva Kiri
Chegada ao Soneva Kiri

A experiência toda que leva a assinatura do Soneva já começa no aeroporto de Bangkok. Lá, um funcionário do hotel nos encontra para nos levar à sala vip, onde esperamos o embarque. Somos levados em um carro privado até o avião. Depois de um voo relativamente rápido, pousamos na ilha, onde somos recepcionados com acenos pela equipe de funcionários do hotel, que já fica com carrinhos de golf preparados para nos levar até uma lancha.

Na lancha, somos apresentados ao nosso ou nossa Mr/Mrs. Friday, que é quem cuida da gente durante toda a estada. Em seguida, somos convidados a retirar nossos sapatos, adotando desde então a filosofia "no news, no shoes" que envolve a marca Soneva. Em todo o resort, praticamente todo mundo anda descalço, assim como era nas Maldivas.

Nos cinco minutinhos de trajeto até o hotel, ganhamos toalhinhas refrescantes e um drink. É o início de uma jornada maravilhosa e inesquecível.

Drink na lancha, logo na chegada ao Soneva
Drink na lancha, logo na chegada ao Soneva

É difícil descrever tudo que o Soneva é. É mais que um hotel, é um estilo de viagem...uma verdadeira experiência extraordinária.

Chegando ao hotel, encontramos nos esperando o nosso carrinho de golf, com nossos nomes em plaquinhas de madeira. Uma cortesia para quem eles chamam de "returning guests", já que tínhamos estado nas Maldivas no ano anterior.

Vamos então à nossa villa. A mais "simples", de um quarto, mas QUE VILLA! A melhor que já ficamos em praia em toda nossa vida.

Do quarto pra piscina privativa da nossa villa
Do quarto pra piscina privativa da nossa villa
Vista da cama
Vista da cama
Um banheiro extraordinário
Um banheiro extraordinário

O Soneva Kiri tem villas de 1 até 6 quartos, comportando famílias inteiras em suas acomodações. Algumas delas, com duas piscinas e escorregadores que desaguam nelas, academia, adega, e tudo mais que você imagina precisar (e não precisar) em umas férias. O conceito que elas trazem é o de Luxury Jungle Villas - porque apesar de terem todas vista mar, estão incrustradas no meio da natureza, em perfeita harmonia com o entorno.

Vista aérea da Villa de 1 quarto
Vista aérea da Villa de 1 quarto (Soneva Kiri)
Vista do quarto
Vista do quarto (Soneva Kiri)
Lugar cenográfico
Lugar cenográfico

Depois de nos acomodarmos, já era praticamente hora do nosso jantar. Sabíamos que algo incrível nos esperava, mas não imaginávamos tanto. A primeira noite seria no Benz's, um restaurante de culinária tailandesa gourmet, autenticamente rústico e oferecendo o melhor da comida local.

O Benz's ficava à beira de um rio que corta a ilha do Soneva, e por isso era preciso pegar a lancha pra chegar até ele. Sob palafitas em um deck estava nossa mesa, estrategicamente posicionada para contemplar a vista.

Jantando de pés descalços no Benz's
Jantando de pés descalços no Benz's

Nos perguntaram apenas se tínhamos algumas alergias ou restrições alimentares e, ao que dissemos que não, foi surgindo o melhor da comida thai em nossa frente. A cada vez que o chef vinha, uma nova iguaria era trazida para saborearmos.

Comida típica
Comida típica
Benz's restaurant
Benz's restaurant
Fim de tarde especial
Fim de tarde especial

Estávamos extasiados naquele lugar. Estar ali foi diferente, único, encantador.

Um começo de estada perfeito (usando meu vestido incrível @pitusa)
Um começo de estada perfeito (usando meu vestido incrível @pitusa)

Finalizamos a noite no Observatório, vendo as luas e as estrelas.

Observatório do Soneva Kiri
Observatório do Soneva Kiri

O café da manhã no Soneva é algo sempre espetacular. Já levantámos sabendo que era uma refeição pra se fazer com calma, saboreando um pouco do que era oferecido em cada cantinho preparado delicadamente pela equipe: dos pães artesanais aos queijos frescos, da seleção de geleias à imensa seleção de frutas orgânicas, até mesmo a pratos a la carte, dignos de um brunch.

Vista do café da manhã
Vista do café da manhã

Fomos conhecer o espaço kids do Soneva. A essa altura da viagem (já era o último trecho dela), estávamos MORRENDO de saudades dos nossos pequenos e só ficávamos imaginando eles lá com a gente. Foi quando então nos deparamos com a melhor brinquedoteca da vida que já vi em um hotel.

The Den, para crianças acima de 5 anos
The Den, para crianças acima de 5 anos

Era surreal: uma espécie de casa na árvore gigante, toda feita no bamboo, em formato de uma manta ray. Nela, crianças acima de 5 anos se divertem e tem uma extensa lista de atividades para fazer em todo o hotel, sempre com monitores. Para os menores de 1 a 5 anos tem a Eco Den, um espaço mais voltado para atividades lúdicas e com babás à disposição.

Eco den - para crianças de 1 a 5 anos
Eco den - para crianças de 1 a 5 anos
Cantinho na Eco Den
Cantinho na Eco Den

De lá, seguimos para passar o dia na North Beach, "A" praia do hotel e quiçá "as Maldivas da Tailândia"!

Eu e Dani nos arriscamos em dizer que chegou a ser melhor que as praias da Maldivas, porque além do azul do mar e das icônicas redes na água, tínhamos ali atrás um cenário tomado por florestas, combinado com o desaguar de um rio cristalino de cor verde esmeralda. Um cenário muito lindo!

North Beach
North Beach
Maldivas ou Tailândia?
Maldivas ou Tailândia?

Pra chegar até lá, era preciso pegar um barco que sai do pier do Soneva. Uma lancha faz o trajeto regularmente, e também "on demand". A praia fica bem pertinho, coisa de 5 minutos do hotel.

No pier pra pegar a lancha para a North Beach
No pier pra pegar a lancha para a North Beach
Lancha que faz o trajeto entre o Soneva e a North Beach
Lancha que faz o trajeto entre o Soneva e a North Beach

Pisando na praia, os funcionários já te recebem para preparar o cantinho à sua escolha. Para nós, foi impossível não notar a beleza do lugar, especialmente o encontro do rio com o mar. A cor da água era sensacional (embora tenha épocas que fique mais escurecida).

Encontro do rio com o mar.
Encontro do rio com o mar.

Na North Beach, tínhamos o serviço de luxo do hotel, com chefs preparando um menu diário internacional e drinks à disposição em um restaurante pé na areia. Um buffet completo também era servido todos os dias, com tudo fresco e muita variedade.

O lugar era convidativo para passar o dia simplesmente balançando na rede, relaxando nas espreguiçadeiras ou se exercitando fazendo um snorkelling, kayaking ou stand-up paddle. Tinha também campinhos de areia de futebol e um infinidade de equipamentos esportivos como raquetes, bolas, etc. Aproveitamos muito tanto na areia, como no mar.

Com o caiaque transparente que fica à disposição dos hóspedes
Com o caiaque transparente que fica à disposição dos hóspedes
Zero preocupação nesse momento! :)
Zero preocupação nesse momento! :)
Drinks na North Beach
Drinks na North Beach

De caiaque, percorremos longos trechos pelo mar e também remando pelo rio/mangue que circundava a praia. Um passeio delicioso.

Paradas ao longo do rio
Paradas ao longo do rio
Espreguiçadeias na North Beach
Espreguiçadeias na North Beach

Depois de alternar entre as atividades aquáticas e também não fazer absolutamente nada, nossa Mrs. Friday nos informou que nosso almoço estava pronto e nos convidou para um cantinho especial da praia. Para nossa surpresa, ela havia montado um cenário exclusivo para nossa refeição, só pra gente...foi incrível!

Detalhes
Detalhes
Almoço na praia
Almoço na praia

Passamos horas ali, tomando um vinhozinho gelado, e depois pegamos o barco para voltar para o hotel. Aproveitamos a piscina comum e tomamos uns drinks no So Spirited, outro bar/restaurante de lá.

Piscina com jacuzzi na área comum do hotel (biquini @ostrabrasil)
Piscina com jacuzzi na área comum do hotel (biquini @ostrabrasil)

A sobremesa ficou por conta das estações So Chilled e So Guilty, que servem mais de 60 opções de sorvertes e chocolates artesanais o dia inteiiiiirinho. É só chegar! Um delírio pra quem AMA doces como eu!

O paraíso dos fanáticos por doces
O paraíso dos fanáticos por doces

Voltando à nossa villa, aproveitamos nossa área externa e descansamos.

Relax em nossa villa
Relax em nossa villa
Nossa banheira externa
Nossa banheira externa

O dia terminou com um coquetel oferecido pelo próprio Soneva, em homenagem ao dia internacional da mulher, seguido de um festival ao melhor estilo feira gastronômica de alta qualidade, com barraquinhas gourmet e alimentos de todos os tipos.

Final de tarde durante o coquetel
Final de tarde durante o coquetel

Pouco antes de irmos dormir, passamos pela biblioteca e descobrimos algo muito especial: uma caixinha com postcards, que nos convidava a escrever uma carta que eles enviariam seis meses depois para nossa casa, de recordação.

Gostamos tanto do ambiente, que acabamos ficando ali mais um tempinho! Pegamos uns livros emprestados para começar a ler no dia seguinte, e finalizamos nossa primeira noite no paraíso.

Postando nossa cartinha de recordação
Postando nossa cartinha de recordação
Nos cantinhos do Soneva
Nos cantinhos do Soneva

Os outros dias seguiram mais ou menos como o primeiro: passávamos a manhã toda na North Beach, onde almoçavamos e curtíamos a praia.

Balanço cenográfico
Balanço cenográfico
Rede na água, não há nada melhor (com biquini @ostrabrasil)
Rede na água, não há nada melhor (com biquini @ostrabrasil)
Mais caiaque
Mais caiaque
Almoço na praia
Almoço na praia

Enquanto a maré secava, o mar sempre formava piscininhas. Esqueci de mencionar que a água era SUPER quente! Uma delícia para estar com crianças (fora que eles tinham disponíveis todos os brinquedinhos necessários - tinha uma quantidade impressionante de famílias por lá).

Piscininhas que se formam com a maré baixa
Piscininhas que se formam com a maré baixa

Em um final de tarde, fomos vivenciar uma experiência exclusiva do Soneva Kiri: um treepod dining. Nunca tínhamos experimentado nada parecido e foi sensacional!

Nas alturas, tomando um vinho com vista para a floresta e para o mar
Nas alturas, tomando um vinho com vista para a floresta e para o mar

Pegamos uma trilha pequena e nos deparamos com a cestinha que funcionava como um elevador. Já tínhamos feito a escolha do nosso lanche antecipadamente, e ficamos curiosos pra saber como que tudo seria servido. Para a nossa surpresa, o garçom vinha de tirolesa, carregando tudo!! Algo surreal!

Casinha na árvore moderna
Casinha na árvore moderna
Experiência fantástica
Experiência fantástica
Nas escadinhas que nos levam até o "treepod dining" (look @ostrabrasil)
Nas escadinhas que nos levam até o "treepod dining" (look @ostrabrasil)

No mesmo dia, seguimos para um jantar no The View, o outro restaurante do hotel. A gente achava que depois do Benz's não teria nada mais especial. Só que esquecemos, por um momento, que se tratava do Soneva!

Jantar ao pôr do sol no The View
Jantar ao pôr do sol no The View

Era um restaurante posicionado bem no alto, de frente para o pôr do sol mais lindo! Em um ambiente rústico, majestoso e aconchegante, era ali que o espetáculo do entardecer acontecia todos os dias, e só fomos perceber na última noite.

Ali também tinha uma adega maravilhosa, com uma sala de degustação de vinhos também projetada para aproveitar o melhor da vista. Havia também um bar com um varandão pra quem preferia ir de snacks e drinks antes do jantar.

Nossa mesinha estrategicamente posicionada
Nossa mesinha estrategicamente posicionada
Nós no The View
Nós no The View

Todos os dias havia sessões de cinema ao ar livre no Cinema Paradiso. Um mega telão subia acima de uma lagoa, onde uma espécie de anfiteatro abrigava assentos com almofadas, à luz de velas e com pipoca e bebidas servidas.

Se existe um hotel que é especialista em proporcionar experiências românticas e únicas, esse é o Soneva, sem sombra de dúvidas.

Cinema Paradiso
Cinema Paradiso

Além de tudo isso, nos marcou muito também a ida ao Six Senses Spa, onde tivemos uma "singing bowl class". Aprendemos sobre os famosos "bowls" tibetanos, que são muito usados em meditações, músicas, sessões de relaxamento e em diversas práticas espiritualistas ou religiosas.

No Six Senses Spa
No Six Senses Spa
Terapia com o bowl tibetano
Terapia com o bowl tibetano
Aprendendo a manejar o bowl (vestido @pitusa)
Aprendendo a manejar o bowl (vestido @pitusa)

Por fim, algo que vale sempre destacar da experiência que tivemos no Soneva - tanto nas Maldivas, como na Tailândia: a preocupação com a sustentabilidade é uma marca registrada deles. Além do uso de materiais sustentáveis em toda sua infraestrutura, o hotel tem o compromisso de eliminar progressivamente o uso de plásticos, conservar água e preservar o ecossistema local. Nas Maldivas, por exemplo, eles reciclavam todo o vidro e o transformavam em arte; lá também produziam a própria água para consumo. No Soneva Kiri, uma grande parte da alimentação era orgânica e cultivada localmente e todo lixo era reciclado.

Eco Centro
Eco Centro (Soneva)

Como qualquer viagem a um Soneva, nossa vontade era de ter passado muito mais dias. Mas era hora de partir e retornar ao Brasil. Nos despedimos da nossa Mrs. Friday e pegamos o último voo com destino à Bangkok, sobrevoando os céus com um misto de tristeza pela despedida, mas felicidade por tudo que vivemos. E com a certeza, claro, de não ser um adeus, mas sim um "até breve".

Nosso roteiro completo pela Tailândia você acessa aqui.

Com nossa querida Fern, nossa Mrs. Friday
Com nossa querida Fern, nossa Mrs. Friday
Hora de ir embora
Hora de ir embora




Sobre o Autor

Fernanda e Daniel

Fernanda e Daniel: "um casal comum, com anseio de viver experiências extraordinárias". Eles dividem suas viagens no @nosdoisnomundo, onde promovem destinos especiais, seja a dois ou em família.

Veja Também