Bungy Jump em Queenstown

  • 30 de setembro de 2014
Bungy Jump em Queenstown


Queenstown é uma pequena cidade localizada na Ilha Sul da Nova Zelândia. O local é mundialmente conhecido por suas belas paisagens e por ser a capital mundial dos esportes radicais.

 
 
Entre os esportes radicais sem dúvida o mais procurado é conhecido na região é o salto de Bungy Jump.
 
 
É possível praticar o esporte de três pontos diferentes:
 
 
1. KAWARAU BRIDGE BUNGY -   Fica localizado a 20 min de carro de Queentown. Possui altura de 43 metros e custa NZD $ 195.
 
 
Foi nessa ponte onde decidimos fazer nosso pulo. O visual é incrível e a estrutura e seguraça é muito grande. Compramos nosso ingresso na sede da empresa AJ Hackett e na hora combinada o ônibus da empresa nos pegou. 
 
 
A viagem até karawau dura 25 minutos. Assim que chegamos fizemos a nossa pessagem e fomos para fila. 
 
 
Já fiz paraglading e sky dive, contudo, o bungy foi o que tive mais medo! O salto é bem rápido, porém, aqueles poucos segundo parecem durar horas.
 
 
É uma experiência única e somente fiz porque senti muita confiança na empresa.
Para fazer a reserva basta entrar no site  http://www.bungy.co.nz/kawarau-bungy-centre/kawarau-bungy .
 
 
Para fazer qualquer um desses saltos é preciso ter entre 10 a 110 anos, ter de 35kg a 127 kg, ter boa condição de saúde e assinar vários termos. Ou seja, praticamente todo mundo pode saltar. 
 
 
Mesmo pra quem não tiver coragem de saltar é possível acompanhar os saltos dos amigos! 
 
 
Assistam o vídeo do meu salto e aproveite e assinem nosso canal no Youtube:
 
 
 
 
É possivel comprar o vídeo, as fotos ou ambos. Comprei apenas o vídeo e custou 40 NZD.
 
 
Na Karawau Bridge é possível ainda fazer o Zipride, espécie de tirolesa. Fiz eu e minha esposa e pelo fato de já ter pago o pulo tivemos um desconto e custou 25 NZD por pessoa.
 
 


Esse artigo foi lido 1602 vezes!

Sobre o Autor

Marcio Vital Valença

Advogado e explorador do mundo nas horas vagas. Conhece mais de 55 países em todos os continentes. Instagram @marcionomundo

Veja Também